Os benefícios de uma dieta rica em fibras não são novidade para quase ninguém, afinal, elas são essenciais para o bom funcionamento no nosso intestino e ajudam a controlar os níveis de colesterol e glicemia. No entanto, um estudo feito por australianos concluiu que o consumo adequado de fibras também pode evitar o desenvolvimento de doenças típicas do envelhecimento.
A partir de um grande estudo populacional, os pesquisadores verificaram que de todos os fatores analisados, as fibras foram os componentes alimentares que mais influenciaram de maneira positiva o processo chamado de “envelhecimento bem-sucedido”, caracterizado pela ausência de incapacidades, sintomas depressivos, comprometimento mental e doenças crônicas.
Essa pesquisa dá suporte a descobertas semelhantes, feitas pelos mesmos estudiosos, que demonstraram que as pessoas que têm melhor adesão às orientações alimentares dadas pelos órgãos de saúde geralmente são menos propensas a desenvolver doenças crônicas ao atingir a idade adulta.